O impacto do coronavírus na economia

O impacto do coronavírus na economia

COVID-19 NO MUNDO

O surto de coronavírus, batizada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) de Covid-19 que surgiu na China no fim de dezembro, ainda é irresoluto, mas, uma coisa é certa, há impacto nos dados econômicos do primeiro trimestre, de acordo com economistas, várias regiões do mundo serão afetadas.

Os países emergentes asiáticos são os que mais serão afetados, pois, são fortemente expostos  ao desempenho da economia da China, entretanto, países em desenvolvimento, como o Brasil, por exemplo, também podem ser afetados.

De acordo com um relatório de consultoria McKinsey “As opiniões de consenso de várias instituições sugerem que o surto pode reduzir o crescimento anual do PIB em 2020 de 0,2 a 0,8 ponto percentual no cenário base” . Isso apenas no primeiro trimestre, o próximo dependerá de como a pandemia será mantida ou controlada.

O impacto da pandemia nos commodities 

O impacto também será notado nas cadeias de suprimentos globais, devido ao fechamento das fábricas chinesas, consequentemente, afetando países de commodities, incluindo o Brasil, além de grandes produtores de petróleo (como a Rússia e a Arábia Saudita).

Segundo um relatório da consultoria de risco Marsh, ainda que as pandemias recentes possuem taxas de mortalidade menores, devido aos avanços da medicina e infraestrutura, o impacto econômico pode ser muito maior.

Isso acontece devido a dependência das empresas em tecnologia, o processo de importação e exportação de suprimentos (commodities) provavelmente é o mais afetado, a demanda dos consumidores também pode diminuir, pois, as pessoas tem receio de comprar um produto do exterior, além disso, a circulação de pessoas nos centros comerciais também diminuem, as fábricas fecham.

Teremos uma recessão?

De acordo com Juliana Inhasz, coordenadora da graduação em Economia do Insper, é muito cedo para afirmar que teremos uma recessão global, mas, 2020 será um ano de menor crescimento, o PIB já está sendo afetado e para uma melhora, é necessário parar a pandemia.

Quanto aos países emergentes, foi constatado que “a situação pode, potencialmente, afetar o apetite ao risco dos investidores internacionais e afetar negativamente as ações sobretudo na Turquia, na Indonésia e na África do Sul” mas, apesar do cenário negativo na economia, os especialistas estão otimistas quanto a recuperação dos países afetados no decorrer do ano, pois, diferente dos surtos de doenças passadas, a medicina está muito mais avançada e conter a pandemia pode ser mais simples, contanto, que a própria população siga todas as recomendações básicas, como lavar as mãos sempre, utilizar álcool em gel, evitar sair de casa sem necessidade.

O que você tem pensado sobre, seu negócio está sendo afetado? Conte para gente.

" class="prev-article">Artigo Anterior

administrator

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *